Cuidados para controlar e evitar a gastrite

Atualizado: 23 de Nov de 2020

A gastrite pode aparecer como uma dor no estômago, que lembra a azia. No entanto, ela vai se intensificando ao longo do tempo, pois é uma inflamação no estômago que precisa ser tratada adequadamente.

Mesmo se você nunca sentiu nenhum sintoma, é importante prestar atenção aos sinais.

1. CAUSA: a gastrite pode ser causada por bactérias da saliva e alimentos. Também pode ser gerada por medicamentos e consumo excessivo de álcool e cigarro. É importante prestar atenção a esses fatores.

2. IMPACTO DA GORDURA: se você ingere muita gordura, o seu corpo pode estar aumentando a produção de ácido clorídrico. Procure, portanto, consumir comidas gordurosas com moderação e atenção.

3. ESPAÇAMENTO DAS REFEIÇÕES: é importante que você mantenha o hábito de fazer quatro a cinco refeições diárias, intercalando-as com lanches e frutas. Dessa forma, o suco gástrico previne a mucosa estomacal de ser atacada e causar a gastrite.

4. BOA MASTIGAÇÃO: se você quer manter o processo digestivo funcionando da forma adequada, é necessário mastigar devagar e privar o organismo de precisar de tanto suco gástrico.

5. BEBIDAS PREJUDICIAIS: algumas bebidas podem irritar a mucosa estomacal de forma mais fácil. Por conta disso, líquidos como café ou bebidas alcóolicas devem ser evitados. Isso também se aplica aos refrigerantes, bebidas artificiais, produtos em conserva, entre outros.

6. HÁBITOS SAUDÁVEIS: bons hábitos de saúde podem ser úteis, inclusive, para evitar a gastrite. É importante manter exercícios físicos em dia e ter hábitos com efeito relaxante.

7. CUIDADO COM MEDICAÇÕES: alguns remédios, como anti-inflamatórios sem hormônios, afetam a produção do muco estomacal. Siga as recomendações de um profissional para evitar a automedicação e efeitos indesejados.


Caso alguns dos sintomas da gastrite, como a queimação, náuseas e dor de estômago sejam comuns para você, inicie o tratamento com um médico gastroenterologista.


O Hospital São Francisco conta com gastroenterologista em seu quadro de especialidades. Clique no botão abaixo e agende sua consulta.






480 visualizações0 comentário