Transtorno Alimentar Seletivo – A criança que não come nada

É muito normal que as crianças, em algum momento da infância, recusem alimentos. Porém, quando esse fato torna-se frequente e interfere no desenvolvimento, temos o chamado Transtorno Alimentar Seletivo (TAS).

Ao contrário de uma seleção temporária, esse transtorno é caracterizado por uma permanente recusa alimentar, e a criança passa a comer apenas os mesmos alimentos, rejeitando todas as outras opções fora do seu padrão de aceitação. Além disso, ela apresenta dificuldade para comer em restaurantes e na casa de outras pessoas.


SINTOMAS DO TAS

A característica principal do transtorno é a rejeição de alguns alimentos. Porém, outros sinais podem ajudar os responsáveis a identificar o TAS:

  • a criança não come mais do que 15 tipos diferentes de alimentos;

  • a criança evita grupos alimentares inteiros, como derivados do leite ou todas as frutas;

  • a criança pode apresentar náuseas e vômitos ao se deparar com a necessidade de comer novos alimentos;

  • a criança pode não tolerar o cheiro de determinado alimento e apresentar ânsia de vômito;

  • a criança faz birra na hora das refeições;

  • a criança fecha a boca e se recusa a experimentar qualquer alimento novo;

  • em certos casos, é possível observar preferência por determinadas marcas de alimentos.


A recusa alimentar pode ser causada por vários fatores, como problemas psicológicos, fobias sociais, alterações no paladar, insistência dos adultos na alimentação, dificuldade para mastigar, engolir ou sentir mal-estar no estômago.

DIAGNÓSTICO


O diagnóstico é feito com base nos sintomas apresentados pela criança e no relato dos pais. O médico responsável por esse caso é o Pediatra, que por vir a trabalhar em conjunto com um psiquiatra, para o diagnóstico completo.

É importante que, assim que iniciada a seletividade alimentar, os pais anotem, por uma semana, o que o filho comeu e recusou, para apresentar ao pediatra. Além de analisar os sintomas, o médico examinará outros possíveis problemas, como dificuldades para mastigar e engolir, alergias alimentares e problemas gastrointestinais.


O Hospital São Francisco conta com especialistas em seu quadro de profissionais.

Clique no botão abaixo e agende sua consulta.






14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo